Cursos para área de saúde são elitizados no Brasil; como democratizar o ensino?

Cursos da área de saúde em sua maioria quando comparados com os demais notasse a presença acentuada de uma elite que concentram essas vagas por possuírem maiores condições de bancarem u estudo focado na aprovação desses cursos que possuem as maiores notas de corte em todo o país ou custearem universidades particulares com mensalidades e matrículas altíssimas.

Como alternativas a democratização desse ensino o governo oferece possibilidades para que no vestibular alunos que não possuam as mesmas condições favorecidas consigam ainda assim garantir uma vaga em cursos de saúde como é o caso da medicina.

Cotas

É uma lei criada pelo governo federal para os estudantes de escola pública, baixa renda, negros, pardos, indígenas e pessoas com deficiência para que eles consigam ingressar no ensino superior. A lei de cotas decreta que todas as instituições federais de ensino superior reservem no mínimo 50% dos cursos oferecidos para as pessoas que fazem parte do grupo de cotas. Essa medida foi criada para que o ensino ficasse mais democratizado e mais plural e não concentrasse apenas em pessoas com maiores condições que fazem parte da elite.

FIES

O FIES é um financiamento estudantil que auxilia alunos a entrarem em universidades particulares de qualidade com a necessidade de pagar o valor total só com o final do curso e durante a vida acadêmica só precisam pagar um valor de manutenção, fazendo com que pessoas com dificuldades financeiras não sejam impossibilitadas de cursar o tão desejado curso na área de saúde. O FIES para medicina em 2021 assim como todos os anos é bastante concorrido, mas é extremamente possível, só é preciso que os interessados se dediquem aos estudos para ficar mais fácil de garantirem sua vaga no FIES e P-Fies 2021.

ProUni

O ProUni assim como o FIES possibilita que alunos de baixa renda estudem em universidades particulares de todo o Brasil, mas ao contrário do FIES ele não é um financiamento. Esse programa promove bolsas de estudo que podem chegar ate 100% do valor do curso de graduação nas instituições privadas e realiza um importante trabalho de inclusão social que é de extrema importância diante a todas as desigualdades que existem hoje em dia.

Alternativas como essas são criadas pelo governo para democratizar o ensino e promover uma inclusão social principalmente as pessoas que mais sofrem com isso e enfrentam dificuldades diariamente. Todo o ensino deve apresentar uma diversidade e uma descentralização pois o Brasil é um país da diversidade e elas precisam ser incluídas.

 

No ano pós pandemia, veja como colocar a rotina de estudos a todo vapor!

Certamente a pandemia virou de cabeça para baixo a vida de muitos e a rotina já não é e nem pode ser a mesma. Trabalho, escola e diversão tiveram que se readequar a situação mudando todo o cotidiano das pessoas espalhadas por todo o mundo.  A esperança para que tudo se resolva e a vacinação comece a ser feita para que a vida volte a normalidade rondeia a cabeça de todos, principalmente dos estudantes que muitos saíram prejudicados devido as medidas tomadas atrasando e atrapalhando o aprendizado.

No ano pós pandemia o desejo por recuperar o tempo perdido e se dedicar ao máximo aos estudos faz com que muitos jovens mudem o foco e coloquem exclusivamente nos estudos para ser trabalhado isso a todo vapor para não perder grandes oportunidades como as inscrições para o SESI em 2021.

Para se preparar e intensificar de maneira produtiva os estudos para o próximo ano preparamos algumas dicas essenciais para você que quer dar aquele gás nos estudos e recuperar todo tempo perdido e adquirir mais conhecimento.

  • Evite distrações: quando estiver estudando apenas estude, coloque o celular longe ou qualquer outra coisa que possa tirar a sua atenção do que esta sendo estudado. Se o celular não vai ser usado para o estudo não tem necessidade de ficar ao lado, um estudo desatento não é nem um pouco eficaz.
  • Varie o conteúdo: é cientificamente comprovado que é melhor variar o tema ao estudar em vez de se concentrar em apenas uma matéria. Unir campos de assuntos relacionados fazem com que o aprendizado seja dinâmico e consiga pegar o assunto de maneira mais fácil.
  •  Mude o cenário: uma mudança tão simples quanto essa pode gerar grandes impactos no aprendizado. Com a troca de local de estudo aumenta a o nível de retenção de informações e concentrações.
  • Pratique o que você aprende: colocar em prática tudo que foi visto ajuda a fixar o aprendizado e compreender onde pode haver lacunas para serem preenchidas. Quanto mais praticar mais fácil se tornará o aprendizado com o tempo, e uma forma de fazer isso é fazer anotações do que está sendo estudado no momento.
  • Crie infográficos e imagens: uma das melhores maneiras de estudar é usando materiais que auxiliam no assunto e ferramentas tecnológicas são grandes ajudantes nisso. Infográficos e imagens que retratem o conteúdo fazem com que seja mais fácil a memorização do assunto e aumenta a visualização do assunto.

Com essas dicas fica fácil colocar a rotina de estudo a todo vapor e se destacar em qualquer objetivo que tenham para o próximo ano.

 

Há diferenças entre o ensino na região Sul do Brasil para o ensino na região Norte do Brasil?

Falar em igualdade de ensino nas diferentes regiões do Brasil é algo quase impossível, principalmente quando comparadas as regiões sul e norte. Historicamente a região sul recebe o foco das atenções juntamente com a região sudeste enquanto as outras regiões como norte e nordeste são deixadas um pouco de lado em questões tecnológicas e investimentos na área.

Diferenças entre qualidade de ensino, tecnologia e investimento são visíveis e um grande reflexo disso é o vestibular, onde as maiores notas se concentram nas regiões ao sul do país que todos os anos mostra a grande diferença e com a nota de corte SISU 2021 mais uma vez o resultado será exposto a toda a população brasileira.

Facilidades da região Sul

Investimento, estrutura e tecnologia estão sempre presentes nessa região que presa muito pelo desenvolvimento de seus estados e de sua população. universidades renomadas se encontram no seu território e são o objetivo de jovens espalhados por todo o país, fazendo com que a Universidade de Santa Catarina concentre uma nota de corte UFSC 2021 altíssima em alguns cursos.

Cidades desenvolvidas influenciam diretamente no ensino. Trânsito, qualidade de vida e condições socioculturais são importantes agentes qualitativos do desempenho da população e isso é muito refletido no ensino e aprendizado dos jovens e dos profissionais que são formados na região.

Quando comparado todos esses pontos a região norte a competição fica quase que injusta. Desigualdades gritantes estão presentes e dificultam todo o ensino e desenvolvimento da região em questão.

Realidade da região Norte do Brasil

A região norte é a região com maior crescimento populacional relativo do país, e devido a essa concentração populacional dificuldades sociais são mais corriqueiras e presentes nos estados que a compõem. Com pouco investimento em educação e tecnologia toda a população sofre com isso e é comum o deslocamento populacional para outras localidades mais assistidas e com mais oportunidades.

Saúde, segurança e educação, direitos básicos e fundamentais a todos os cidadãos ficam a desejar no Norte e a população é extremamente prejudicada. Devido a todos esses pontos e falhas é comum que a qualidade do ensino e o nível de educação da população não seja das melhores, principalmente quando se comparando a população do sul. Toda a história da região norte é marcada por grandes lutas e dificuldades que continuam ate hoje e uma distinção e preconceito para com os moradores dessa região existe e faz com que cada vez mais a desigualdade exista e perdure deixando assim as diferenças acentuadas entre os territórios.

 

Confira os índices de educação na região Sudeste do Brasil

A região sudeste é conhecida como a região com maiores oportunidades e investimento em tecnologia e educação em todo o território brasileiro, e devido a isso em comparação as outras regiões possuem um índice, tanto na educação quanto em outras áreas, mais elevados.

O Sudeste concentra o maior número de municípios entre as cinco regiões do Brasil e possui os índices Ideb) mais altos de todo o território. A pontuação dos municípios só no ano de 2007, segundo o ideb, superaram todas as metas projetadas pelo Ministério da Educação para os anos de 2007, 2009 e 2011, apresentando ótimos índices ate então principalmente a novos projetos e investimentos do governo na educação. Projetos e investimentos em educação são mais presentes nos estados do Rio de Janeiro e São Paulo que concentram o maior foco do governo quando se fala na região sudeste.

O que é Ideb?

O Índice de desenvolvimento da educação básica é responsável por indicar importantes dados sobre a educação básica no Brasil, como o fluxo escolar e as medias de desempenho dos alunos nas avaliações. O índice é também considerado um importante indicador de políticas públicas focados na melhoria da educação dependendo dos resultados obtidos. Através do Ideb é feito um acompanhamento de metas da qualidade da educação e uma projeção para metas futuras, com o objetivo de alcançar uma boa qualidade de ensino e assim uma boa nota.

Escolas da região sudeste

As escolas publicas da região sudeste são sempre bastante concorridas, principalmente quando se fala em escolas de referência ou escolas técnicas espalhadas por todos os estados. Todos os anos o início do planejamento do ano letivo era marcado por enormes filas na frente das instituições de ensino onde país e responsáveis ficavam expostos ao sol e a chuva para conseguirem então uma vaga para seus filhos nas melhores escolas da região.

Com o passar do tempo e a utilização da tecnologia a favor do bom funcionamento do sistema a rede publica de ensino começou a utilizar aplicativos para auxiliar todo o processo de matrícula de seus alunos, como é o caso do matrícula fácil. As matrículas SP 2021 e matrículas RJ 2021 trazem uma maior comodidade para todos os funcionários e país ou responsáveis de alunos que eram obrigados a comparecerem nas escolas e reservar a vaga dos estudantes e depois concluir então a inscrição deles nas escolas. Agora com o aplicativo o processo de reserva é feito de forma digital previamente e um horário é marcado para o atendimento e então confirmação dos alunos como estudantes da instituição.